I just love
Quando você realmente amar alguém e for recíproco, você vai ver como é bom amar. Pra amar não precisa namorar, e bla bla bla, mais o namoro é a melhor forma de expressar o sentimento, quando você sentir suas pernas tremerem, sua barriga gelar, teu corpo ficar mole, aí sim você vai entender a magia de amar.
Dom Quixote  (via citografou)

(Fonte: c-a-n-a-r-i-o, via 0-ut)


De repente ouvi teu nome. E quase que imediatamente te procurei a minha volta. Não te encontrei, mas me dei conta de que eu estava sorrindo.
Querido John, Delator  (via ostentado)

(Fonte: delator, via ostentado)


Eu sou fechada, mas veja bem, se conseguir entrar nunca vai precisar sair.
Patricia Lise  (via ostentado)

(Fonte: DESENHE, via ostentado)


Sou o oposto
do verso
tu és brisa
eu, concreto.
Elisa Bartlett (via ostentado)

(Fonte: oxigenio-dapalavra, via ostentado)


Distância, meu amigo, não é vários km quadrado. Quantas vezes você tá distante mesmo tando do lado?
Emicida.  (via alciao)

(Fonte: fucksuckers, via alciao)


E se minhas palavras fizessem um som, seria o barulho seco de um tiro.
Elisa Bartlett.   (via renascedor)

(Fonte: oxigenio-dapalavra, via renascedor)


Madrugada de Sábado 19/Abril 2014
“Mais tarde, dormimos. Quer dizer, eu dormir. Ele ficou ali abraçadinho comigo, como sempre faz. Outra vez estava eu a pensar em casamento. Sei que seus defeitos nem os meus ainda não vieram à tona. O começo de uma relação é sempre a parte mais fácil. Depois o lado oculto vai se revelando. Mesmo assim, eu penso em casamento. Imagino nos dois numa casa, com um cachorro e um gato, compras no supermercado. É, o meu coração está apaixonado, gamado, louco por ele, pirado. Meu coração está amolecido. Mas quer saber, eu nem ligo.”
— Reformulei (( Orlindo Santos )).

Tenho amor incondicional pelas pessoas que entram em minha vida e sinceramente, não sei o quanto isso é bom nos dias atuais. Talvez esse seja meu pior defeito.
Cazuza.    (via fresex)

(Fonte: e-n-c-a-n-t-a-d-a, via sinceramente-cansei)


Eu sendo louco como sempre.
Para os anonys de plantão